Auxílio Brasil: Governo Federal prepara PEC para aumentar valor

Auxílio Brasil terá aumento com nova PEC

Está sendo preparado atualmente pelo Governo Federal um nova PEC que será entregue ainda em 2022. Essa proposta será para aumentar os valores do Auxílio Brasil para o próximo ano. O plano é fazer com que as propostas do presidente Jair Bolsonaro (PL) entrem no orçamento de 2023.

Contudo, até o momento o poder executivo ainda não teve oportunidades. Conforme informações do jornal Valor Econômico, o Ministro da Economia, Paulo Guedes, encontrou no dia quatro (4) de outubro, com o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), e um dos assuntos seria o Auxílio Brasil.

No encontro, os dois conversaram na sede do Ministério em Brasília exatamente a respeito das chances abertas para que os compromissos feitos sejam cumpridos. Apesar do encontro ter se tornado o início para as negociações em relação ao tema. Assim, uma definição sobre o tema só será divulgada após o segundo turno.

Portanto, a conclusão será indispensável nessa questão. Se o presidente Jair Bolsonaro (PL) sofrer uma derrota a avaliação interna deve ser de não realizar o que foi prometido. No entanto, qual seria essas propostas? Desde quando a campanha se iniciou o presidente fez o compromisso de manter o Auxílio Brasil no valor de R$600 para o próximo ano.

O Auxílio Brasil vai se manter em 2023?

Agora, a indicação oficial é de que os valores reajustados só permaneçam até o fim de 2022. O atual presidente também fez promessa de fazer um aporte para o 13º salário as mulheres que recebem o Auxílio Brasil. Contudo, no momento, não será possível cumprir todas as promessas devido o orçamento atual.

O Governo Federal encaminhou no mês de agosto o orçamento para o próximo ano, e o ofício não favorece nenhuma das alterações prometidas. Realmente, o Congresso Nacional tem o poder de mudar algumas regras que componha o documento. Contudo, o poder executivo até o momento não viu um jeito de confirmar as propostas oficialmente.

Como será o Auxílio Brasil este ano?

É preciso saber, que todos os debates que abrange o orçamento, valores e propostas para o benefício estão focados para o próximo ano. Para esse ano de 2022, já está descartado qualquer alteração na estrutura do projeto social. Informações do Ministério da Cidadania afirmam que mais de 21,13 milhões de pessoas poderão receber o Auxílio Brasil em outubro.

Dessa forma, esse número poderá aumentar nos próximos meses, contudo, precisamos destacar que não há garantias oficiais. Mais uma coisa que não tem alterações em 2022, é a quantia a ser paga. Assim, atualmente, o benefício está pagando R$600 por família. Essa regra se manterá, inclusive em outubro, novembro e dezembro.

Qual o cenário para o próximo ano?

O cenário do benefício para o próximo ano ainda é incerto e dependerá de muitos fatores, principalmente a respeito do processo eleitoral. Aquele que vencer as eleições deste ano com certeza decidirá o caminho do projeto social nos próximos anos.

Auxílio Brasil terá aumento através de PEC
Imagem: Créditos/Canva

Além do presidente Jair Bolsonaro, o ex-presidente Lula (PT) também promete continuar com o Auxílio Brasil com o valor de R$600 por família. No dia 5 desse mês, o candidato recebeu uma proposta do PDT de lançar uma renda básica universal na quantia de R$1 mil por família.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informou que lula teve um número de votos superior nas cidades que mais recebem o benefício, quando se compara em proporção. Essas informações foram determinantes na apuração final das eleições. O petista acabou ficando na frente do Bolsonaro.

Certamente, você também vai gostar:

>

Não deixe de acompanhar diariamente o Supercuriosidade para não perder nada da economia.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia Mais

Política de Privacidade e Cookies